Uncategorized

Noruega: Ataque em casa noturna gay em Oslo deixa dois mortos

INTERNACIONAL – Duas pessoas morreram e 21 ficaram feridas em um tiroteio que ocorreu em três bares no centro de Oslo, na madrugada de sábado (25). Após o atentado, a marcha do Orgulho lgbtqia+ foi cancelada. O ato é investigado como terrorismo.

De acordo com informações, o atirador é um norueguês de 42 anos de origem iraniana, conhecido dos serviços de inteligência internos, também encarregados do antiterrorismo.

“Ele é suspeito de homicídio, tentativa de homicídio e ato terrorista”, disse o responsável da polícia Christian Hatlo, em entrevista coletiva. Esta acusação foi pautada “pelo número de feridos e mortos, pelo número de cenas de crime – pelo menos três – e […] [porque] há boas razões para acreditar que ele teve a intenção de semear o terror”, acrescentou.

Os disparos foram efetuados em um local chamado London Pub, um bar e boate gay conhecido no centro da cidade.

O suspeito do crime foi preso pela polícia. Com o homem foram encontradas duas armas, uma delas automática.

Deixe uma resposta